ZIRCÔNIA PRETTAU COMO ALTERNATIVA REABILITADORA EM CASOS DE AGENESIA ANTEROINFERIOR – RELATO DE CASO

R$ 56,00

Artigo em PDF para download

ATENÇÃO: Após a confirmação de pagamento você receberá em seu email cadastrado um link para download do arquivo em versão PDF e também será disponibilizado em nosso site um link para download do arquivo.
Tanto o envio do email quanto a disponibilização do link para download só serão efetivadas após a validação do seu pagamento.

Product price
Additional options total:
Order total:

Descrição

Vol. 12 – Número 45 – 2020

CADERNO DE IMPLANTODONTIA

Relato de caso

Página 59-61
Zircônia Prettau como alternativa reabilitadora em casos de agenesia anteroinferior – relato de caso

Járede Carvalho Pereira¹
Kleyton Nolasco de-Abreu²
Joel Fereira Santiago Junior³

Resumo
A agenesia dentária é uma anormalidade quantitativa muito frequente em seres humanos. Pode acontecer associada a síndromes ou ser um padrão familiar isolado, e sua causa ainda é indefinida. O tratamento para este tipo de anormalidade pode ser através de tracionamento ortodôntico para fechar os diastemas ou a partir de reposições dentárias. A zircônia Prettau é um material visto como alternativa para a confecção das próteses nesses tipos de casos. Este trabalho foi elaborado a partir de um relato de caso, por meio de coleta de dados qualitativos, com o objetivo de descrever e explicar o caso clínico. Ao fim da pesquisa constatou-se que o material zircônia Prettau é uma alternativa viável para casos de agenesia anterior, sendo que suas propriedades físico-mecânicas são consideradas de grande valia.

Descritores: Agenesia dentária, cerâmicas, prótese dentária.

¹ Graduado em Odontologia – FIMCA/RO, Dr. em Implantodontia – Unesp/Araçatuba, Prof. Titular – ABO/RO.
² Esp. em Prótese – ABO/RO.
³ Cirurgião Dentista – FOB/USP, Esp. em Implantodontia e Prótese Dentária, Me. em Odontologia – UEP/SP.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “ZIRCÔNIA PRETTAU COMO ALTERNATIVA REABILITADORA EM CASOS DE AGENESIA ANTEROINFERIOR – RELATO DE CASO”
Abrir conversa
Precisa de ajuda?