ENTREVISTA – PROFª. DRª. GLADYZ CRISTINA DOMINGUEZ

ENTREVISTA – PROFª. DRª. GLADYZ CRISTINA DOMINGUEZ

Vol. 10 – Número 38 – 2017

Entrevista

Página 34-38

Profª. Dra. Gladyz Cristina Dominguez
Graduada em Odontologia – Colégio Odontológico Colombiano, Bogotá, Colômbia.
Pós-Graduada em Ortodontia/Ortopedia – Universität zu Köln, Colônia, Alemanha.
Mestre, Doutora e Livre-Docente em Ortodontia – FOUSP, São Paulo.
Professora Associada da disciplina de Ortodontia – FOUSP, São Paulo.
Professora do curso de Especialização em Ortodontia – FUNDECTO, FOUSP, São Paulo.

O Professor Dr. Ricardo Moresca solicitou-me apresentar a Professora Gladys Cristina Dominguez como parte introdutória desta entrevista.

Senti-me honrado e feliz, pois tive a felicidade em conhecê-la por volta dos anos de 1990, quando ela procurou-me, solicitando ajuda no sentido de revalidar o diploma de Odontologia, a fim de poder trabalhar e viver no Brasil. Naquela oportunidade eu estava Titular da Disciplina da FOUSP. Foi muito interessante. Nesse primeiro contato tive a percepção que, à minha frente, estava uma pessoa com excelentes qualidades pessoais e profissionais. Não tenho como explicar. Penso que foi algo místico ou espiritual. Eu não a conhecia até aquele momento. E não tive dúvidas, falei-lhe de alguns problemas na revalidação do diploma e, lembrando-me bem, alguns dias depois desse primeiro contato, convidei-a a participar do Mestrado e Doutorado do Curso de Pós-Graduação da FOUSP, muito embora ela já possuísse a Pós-Graduação na Alemanha. Ela aceitou de imediato. É típico da nossa querida entrevistada. Possui uma força interior importante que a diferencia de muitos. Não há obstáculos para ela, e se há, sobrepuja-os com denodo, persistência e força. É uma mulher cheia de energia. Assim, naquela oportunidade, como orientador e ela como orientada, pudemos iniciar as pesquisas sobre Ortopedia Funcional dos Maxilares (Bionator). Dessa maneira, a disciplina de Ortodontia da FOUSP pode adentrar nessa filosofia e técnica de tratamento em bases científicas. O desenvolvimento dos estudos nesse campo do conhecimento tornou-se profícuo, considerando-se também outras técnicas ortopédicas e importantes para a pesquisa brasileira. A partir daí, a contratação da Professora Gladys foi natural e automática e o Corpo Docente ganhou um elemento novo de altíssima qualidade.

Pudemos estabelecer e iniciar pesquisas em torno de técnicas ortodônticas, em especial a MBT, técnicas de ancoragem ortodôntica e um sem número apurado de pesquisas para o diagnóstico e planejamento do tratamento das más oclusões.

O desenvolvimento persistente do trabalho clínico e experimental levou-a aos estudos sobre ancoragem absoluta, além de técnicas mais variadas e de atualização internacional. Destacam-se até pesquisas sobre estimulação do metabolismo celular na movimentação dentária, utilizando-se procedimentos de fotobiomodulação, isto mais recentemente, mas sem dúvida é o continuum de um excelente trabalho. A capacidade da nossa querida entrevistada é algo de destaque que devemos aplaudir.

Penso que estas poucas linhas sejam suficientes na apresentação.

Temos aqui uma personalidade que engrandece a Ortodontia brasileira.

Muitas vezes, as palavras não refletem as qualidades inerentes a uma pessoa, somente o convívio, o trabalho diuturno e perseverante, os desgastes do dia a dia, podem atestar as qualidades de cada um. A Professora Gladys Cristina é um destes exemplos: trabalhadora, disciplinada, altruísta, instrumento de Deus na formação profissional de centenas de alunos de Graduação e Pós-Graduação. Uma verdadeira missão. Orgulho-me em ter tido a oportunidade do exercício conjunto com ela.

Sinto-me muito feliz em registrar, nesta apresentação, a minha admiração e respeito por uma profissional desse quilate. Agradeço muito esta oportunidade.

Prof. Dr. Julio Wilson Vigorito

Acesse esta entrevista em PDF
Precisa de ajuda?