CORREÇÃO DA EXTENSÃO BASAL DE SOBREDENTADURA INFERIOR: TÉCNICA DIRETA-INDIRETA DE REPARO

R$ 56,00

Artigo em PDF para download

ATENÇÃO: Após a confirmação de pagamento você receberá em seu email cadastrado um link para download do arquivo em versão PDF e também será disponibilizado em nosso site um link para download do arquivo.
Tanto o envio do email quanto a disponibilização do link para download só serão efetivadas após a validação do seu pagamento.

Descrição

Vol. 13 – Número 52 – 2022

CADERNO DE ODONTOLOGIA CLÍNICA

Coluna Prótese

Página 58-65
Correção da extensão basal de sobredentadura inferior: técnica direta-indireta de reparo

Zuila Maria Lobato Wanghon¹
Isabela Reginaldo¹
Julia Jacoby Pasetto¹
Glaucia Santos Zimmermann²
Analucia Gebler Philippi²
Thais Marques Simek Vega Gonçalves²

RESUMO
O sucesso da prótese total está diretamente relacionado à sua retenção e estabilidade. Nesse sentido, a cobertura correta da área basal é essencial para que a prótese seja funcional e melhore o conforto e a eficiência durante a função. Próteses mal adaptadas ou instáveis podem ainda sobrecarregar os tecidos de suporte, além de serem iatrogênicas para implantes e sistemas retentivos de sobredentaduras, o que pode levar à perda precoce dos mesmos. Nesses casos, pode-se fazer o reembasamento temporário da base de resina acrílica. Esse procedimento é realizado pelo próprio cirurgião-dentista e visa promover maior contato entre a base da prótese e o rebordo edêntulo, aumentando a retenção e estabilidade da prótese de forma temporária, até que uma nova prótese seja confeccionada. A técnica direta-indireta, detalhada nesse artigo, é bastante vantajosa, pois ao ser realizada sobre um modelo de gesso, não causa desconfortos ao paciente. Em acréscimo, pode ser realizada em sessão única, no próprio consultório, com materiais comuns à prática clínica, não havendo necessidade de envio do trabalho ao laboratório, o que reduz o custo, além de apresentar resultados imediatos ao paciente.

Descritores: Sobredentadura, reembasamento de dentadura, materiais dentários

¹ Graduanda em Odontologia da Universidade Federal de Santa Catarina
² Professora do Departamento de Odontologia da Universidade Federal de Santa Catarina

DOI: 0.24077/2022;1352PT0829

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “CORREÇÃO DA EXTENSÃO BASAL DE SOBREDENTADURA INFERIOR: TÉCNICA DIRETA-INDIRETA DE REPARO”
Precisa de ajuda?