Tratamento de terceiros molares inclusos através da técnica coronectomia – aspectos clínicos

Tratamento de terceiros molares inclusos através da técnica coronectomia – aspectos clínicos

Vol. 12 – Número 47 – 2021 CADERNO DE IMPLANTODONTIA Relato de caso Página 60-66 Tratamento de terceiros molares inclusos através da técnica coronectomia – aspectos clínicos Bruno César Parpinelli¹ Aécio Abner Campos Pinto Junior² Sarah Campos de Sales¹ Lucas Moreira Maia³ Bárbara Lopes Freire¹ Luiz César Fonseca Alves¹ Resumo A lesão ao nervo durante a remoção de terceiros molares é um risco inerente ao procedimento devido à proximidade anatômica dessas estruturas. A coronectomia é uma técnica eficaz que pode minimizar o risco de desenvolvimento da parestesia causada por essa lesão. O presente estudo tem como objetivo relatar um caso clínico em que a coronectomia foi realizada, demonstrando a sua técnica. O procedimento foi realizado em um paciente do sexo masculino, 25 anos, com indicação de remoção dos terceiros molares. O exame imaginológico sugeriu uma íntima relação entre as raízes do terceiro molar inferior direito e o canal mandibular. A técnica de coronectomia foi realizada sob anestesia local e o acompanhamento pós-operatório ocorreu em sete dias, quatro meses e quatro anos. Uma semana após a cirurgia o paciente relatou boa recuperação pós-operatória e, ao exame clínico e radiográfico, não apresentou sinais ou sintomas de alterações sensoriais ou de qualquer alteração patológica. Após quatro anos, foi realizada uma nova radiografia, onde foi observado o fragmento radicular envolvido por cortical óssea e ausência de qualquer aspecto patológico ou sinais de migração expressiva. Considerando a baixa complexidade e morbidade da técnica, a mesma se torna uma boa alternativa à exodontia, visando reduzir o risco de desenvolvimento da parestesia. Descritores: Cirurgia bucal, nervo alveolar inferior, terceiro molar, parestesia. ¹ Faculdade de Odontologia – UFMG. ² Faculdade de Odontologia – UFMG, Faculdade de Odontologia – UniBH. ³ Faculdade de Odontologia – UIT. DOI: 10.24077/2021;12476066 Prezado assinante, o artigo estará disponível para download em janeiro de 2022.

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
Abrir conversa
Precisa de ajuda?