Protrusão anterior como opção de tratamento para Classe II subdivisão por assimetria dentária mandibular

Protrusão anterior como opção de tratamento para Classe II subdivisão por assimetria dentária mandibular

Vol. 10 – Número 38 – 2017 Relato de caso | Case report Página 86-96 Protrusão anterior como opção de tratamento para Classe II subdivisão por assimetria dentária mandibular Anterior protrusion as a treatment option for Class II mandibular dental asymmetry  Rubens Sautchuk Júnior1 Paula Fernanda Cabral de Azevedo2 Resumo Este artigo tem por objetivo apresentar dois casos clínicos nos quais o plano de tratamento para correção da Classe II subdivisão foi a protrusão dentária mandibular unilateral. A revisão da literatura demonstrou que, para ter êxito no planejamento do tratamento, é essencial diagnosticar corretamente a origem da subdivisão – dentária ou esquelética, maxilar e/ou mandibular. Os tratamentos existentes consistem, na maioria das vezes, em extrações dentárias simétricas ou assimétricas e distalizações do segmento em Classe II. Não encontramos registros na literatura de casos tratados da forma proposta. Há uma resistência à vestibularização/protrusão dos incisivos inferiores, pois existe a preocupação de que esta mecânica causaria recessão gengival. Entretanto, a literatura mostra que não existe correlação entre a vestibularização dos incisivos inferiores e a recessão gengival, desde que sejam empregadas forças leves e a higiene oral do paciente seja rigorosamente controlada. Concluiu-se que este método poderá se tornar uma opção viável nos casos em que não forem necessárias extrações para correção do perfil e/ou apinhamento e quando a queixa principal do paciente não for uma assimetria de origem esquelética. Porém, ainda existe a necessidade de mais estudos para apontar possíveis efeitos indesejados e contraindicações, além de se comprovar a estabilidade do tratamento em longo prazo. Descritores: Ortodontia, má oclusão de Angle Classe II, diagnóstico. Abstract The purpose of this paper was to present two clinical cases in which mandibular dental protrusion was the treatment of choice to correct Class II malocclusion. Literature review shows that for a successful treatment plan, proper diagnose of the subdivision of Class II malocclusion: dental or skeletal, maxillary and/or mandibular. The existing treatments generally consist on extractions either symmetric or asymmetric and distalization of the Class II segment. No records of the treatment proposed by the present study. There is a resistance to perform the proclination/protrusion of mandibular incisors, as there is a concern that this mechanic may cause gingival recession. However, literature shows that there is no correlation between proclination of the mandibular incisors and gingival recession, since mild forces are applied and the patient’s oral hygiene is strictly controlled. The conclusion is that this method may become a viable option when extractions are not required to correct the patient’s profile and/or dental crowding, as well as when patient’s main complaint is not a skeletal-derived asymmetry. However, further studies are necessary to confirm long-term stability, potential side-effects and contraindications. Descriptors: Orthodontics, Angle Class II malocclusion, diagnosis. 1 Especialista e Mestre em Ortodontia – SLMandics/SP, Professor do Curso de Especialização em Ortodontia – SLMandic/Curitiba, Professor do Curso de Capacitação e Excelência em Mecânica Autoligável Passiva – Damon-In-Office. 2 Especialista em Ortodontia – SLMandic/Curitiba, Ortodontista – Clínica Particular.

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
Abrir conversa
Precisa de ajuda?