Lifting com fios de PDO associado ao ácido hialurônico em sulco nasogeniano – relato de caso

Lifting com fios de PDO associado ao ácido hialurônico em sulco nasogeniano – relato de caso

Vol. 3 – Número 10 – 2022 Relato de caso Página 8-18 Lifting com fios de PDO associado ao ácido hialurônico em sulco nasogeniano – relato de caso Giselle Colucci Perone¹ Alexandre Miyahira² Pedro Carvalho Feitosa³ RESUMO O maior interesse em um tratamento estético para uma harmonização orofacial minimamente invasiva, como a aplicação de ácido hialurônico e fio PDO (polidioxanona), tem aumentado nas últimas décadas devido ao menor risco de complicações, mínimo afastamento das atividades regulares e efetividade nas correções simples. Lifting com fios de PDO é seguro e eficaz para o rejuvenescimento facial e apresenta baixa incidência de complicações. A camada de inserção correta é o tecido celular subcutâneo (SMAS). Neste artigo, foi relatado um caso clínico em que fios PDO com garras (COG) foram utilizados para estimular o colágeno no tratamento da flacidez cutânea profunda em sulco nasogeniano, associada ao preenchimento com ácido hialurônico na mesma região. A melhora da textura da pele e a redução do sulco profundo foram observadas. Assim, o lifting não cirúrgico, realizado com fios, surge como uma opção no tratamento da flacidez inicial, visando promover elevação facial, ou seja, reposicionamento dos tecidos e redução das linhas de expressão, associado ao uso de ácido hialurônico como complemento, após 30 dias. Descritores: Fios de PDO, ácido hialurônico, sulco nasogeniano, harmonização. ¹ Esp. Em Harmonização Orofacial. ² Esp. em Implante. ³ Me. em Implantodontia, Esp. em Harmonia Orofacial. DOI: 10.24077/2022;3103095

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
Precisa de ajuda?