Cisto ósseo traumático em pacientes submetidos ao tratamento ortodôntico

Cisto ósseo traumático em pacientes submetidos ao tratamento ortodôntico

Vol. 6 – Número 22 – 2013 Artigo Original/Original article Página 189-193 Cisto ósseo traumático em pacientes submetidos ao tratamento ortodôntico Traumatic bone cyst in patients undergoing orthodontic treatment Alexandre de Albuquerque Franco1 Fernanda Albuquerque Cabral2 Álvaro de Moraes Mendes3 Resumo Este artigo objetivou avaliar a prevalência do cisto ósseo traumático (COT) por meio da coincidência entre o diagnóstico do COT e o paciente que se apresenta para tratamento ortodôntico. A amostra constou de 12.805 pacientes oriundos de clínicas privadas, cursos de graduação e pós-graduação recrutados no período de 1990 e 2009. Inicialmente, cada profissional foi calibrado com radiografias panorâmicas que não fizeram parte da pesquisa, sobre as características e o diagnóstico de COT. O método consistiu na aplicação de um questionário objetivo, respondido por ortodontistas, com o objetivo de avaliar a prevalência de cisto ósseo traumático no contingente total de pacientes de cada profissional. O questionário de avaliação interrogou cada profissional sobre o número total de pacientes, bem como a quantidade de pacientes com diagnóstico de COT, após a criteriosa avaliação dos exames radiográficos panorâmicos. Evidenciou-se uma prevalência de 0,02% de cisto ósseo traumático na população estudada. A prevalência de COT foi muito baixa (1 em cada 4268 pacientes ortodônticos examinados), entretanto, por ser uma lesão assintomática, é de fundamental importância a realização de exames imaginológicos a partir dos 10 anos de idade para o seu diagnóstico. Descritores: Cisto ósseo traumático, mandíbula, tratamento ortodôntico. Abstract This article aimed to assess the prevalence of traumatic bone cyst (TBC) in patients undergoing orthodontic treatment based on the evaluation of panoramic x-rays. The sample was composed of 12.805 patients from private practices, graduation and post-graduation programs recruited between 1990 and 2009. At first, each professional was calibrated with panoramic radiographs that were not part of the research on the characteristics and diagnosis of TBC. The method consisted on a objective  questionnaire answered by orthodontists with the aim of  evaluating the prevalence of traumatic cyst bone on the  patients from each professional. The evaluation questionnaire asked each professional about the total number of  patients as well as the number of patients diagnosed with TBC, after careful evaluation of panoramic radiographs. A prevalence of 0.02% of traumatic bone cyst (TBC) was found in the investigated population. The prevalence of TBC was very low (1 out of 4268 orthodontic patients examined). However, since TBC is an asymptomatic lesion it is of paramount importance to establish its diagnosis by having imaging examinations performed starting at age 10. Descriptors: Traumatic bone cyst, mandible, orthodontic treatment. 1 Doutorando, Depto. de Ortodontia, Faculdade de Odontologia UERJ. 2 Especialista em Ortodontia, Associação Brasileira de Odontologia Aracajú – SE. 3 Prof. Depto. de Ortodontia, Faculdade de Odontologia UERJ.

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
LEIA MAIS
Precisa de ajuda?