Avaliação da padronização da força inicial liberada por elásticos ortodônticos em cadeia

Avaliação da padronização da força inicial liberada por elásticos ortodônticos em cadeia

Vol. 16 – Número 61 – 2023 Artigo original Página 56-61 Avaliação da padronização da força inicial liberada por elásticos ortodônticos em cadeia Viviane Rodrigues Amorim¹ Laura Mello Figueiredo¹ Edgard Norões Rodrigues da Matta² Resumo Este trabalho avaliou a padronização da força inicial liberada por elásticos ortodônticos em cadeia em diferentes lotes de fabricação de três marcas comerciais. Foram testadas 762 amostras de elásticos em cadeia incolores, tamanho médio, das marcas Morelli®, Uniden® e Eurodonto®. Os elásticos foram distribuídos em 6 diferentes grupos: Grupo M (Morelli), Grupo U (Uniden) e Grupo E (Eurodonto), com 2 lotes para cada grupo. Os elásticos foram mantidos em um “jig” de acrílico de 07 X 07 cm que foi fixado em uma base de madeira de 55 X 15 cm. Os elásticos foram ativados em 50% de seus comprimentos iniciais e as forças iniciais liberadas foram mensuradas através de um dinamômetro digital de precisão. Foram utilizados os testes de Kolmogorov-Smirnov e “t” de Student com 5% de significância para ambos os testes. Os resultados evidenciaram diferença significativa entre a força inicial média liberada de 336,84g e 270,72g dos lotes 1 e 2, respectivamente, da marca U. Não houve diferença significativa entre os lotes da marca M apresentando força inicial média de 310,31g e 312,77g e da marca E com forças iniciais médias de 378,42 e 377,91. Os grupos M,U e E apresentaram os percentuais de 8,7%, 4,3% e 11,4%, respectivamente, de amostras elásticas liberando força inicial considerada padronizada. Pode-se concluir que as marcas Morelli® e Eurodonto® apresentaram força inicial padronizada quando variações entre os lotes foram investigadas. Porém, todas as marcas comerciais apresentaram percentual muito baixo de amostras elásticas com força inicial padronizada, considerando o intervalo de confiança. Descritores: Elastômeros, poliuretanos, elasticidade, ortodontia corretiva. ¹ Curso de Especialização em Ortodontia – Centro Universitário CESMAC. ² Disciplina de Ortodontia – UFAL. DOI: 10.24077/2023;1661-0187939

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
Abrir conversa
Precisa de ajuda?