Prescrições medicamentosas realizadas por cirurgiões-dentistas – estudo transversal

R$ 56,00

Artigo em PDF para download

ATENÇÃO: Após a confirmação de pagamento você receberá em seu email cadastrado um link para download do arquivo em versão PDF e também será disponibilizado em nosso site um link para download do arquivo.
Tanto o envio do email quanto a disponibilização do link para download só serão efetivadas após a validação do seu pagamento.

Product price
Additional options total:
Order total:

Descrição

Vol. 10 – Número 40 – 2019

CADERNO DE ODONTOLOGIA CLÍNICA

Artigo original 

Página 105-114
Prescrições medicamentosas realizadas por cirurgiões-dentistas – estudo transversal

Karolina Parry Amorim Silva¹
Augusto Mateus Freitas Lopes¹
Francisco de Assis de Souza Júnior²
Janaína Cavalcante Lemos³

Resumo
A presente pesquisa tem por objetivo analisar informações sobre as prescrições de medicamentos pelos cirurgiões-dentistas especialistas e clínicos gerais, nos grupos dos seguintes medicamentos: analgésicos, anti-inflamatórios e antibióticos. A realização desse estudo transversal compreendeu nos meses de janeiro e fevereiro do ano 2018, cuja amostra foi composta por 100 cirurgiões-dentistas da cidade de Natal/RN, de ambos os sexos, tanto especialistas quanto clínicos gerais do serviço público e privado. Estes, responderam a um questionário sobre suas prescrições e, através deles, foram obtidos alguns resultados. A amostra foi composta por uma faixa etária de 24 a 69 anos, pela maioria dos cirurgiões-dentistas especialistas, atuantes no serviço público, com mais de 10 anos de formado, dos quais, 83% prescrevem terapêutica medicamentosa todos os dias ou entre 1 a 3 vezes na semana. Os entrevistados possuem uma predileção pela dipirona, nimesulida, dexametasona e amoxicilina. Entretanto, apesar da frequência de prescrições desses profissionais, foi observado nos analgésicos 81% de posologias inadequadas. Nesse sentido, a presente pesquisa mostrou que os cirurgiões-dentistas são profissionais que necessitam da terapêutica medicamentosa no seu dia a dia, porém, muitos não estão totalmente qualificados para isso, sendo responsáveis por um alto percentual de erros de medicação tanto nas indicações quanto nas posologias.

Descritores: Prescrições, erros de medicação, prescrições de medicamentos.

¹ CD – Universidade Potiguar – UnP.
² Me. em Odontologia com concentração em cirurgia – UFRN, Prof. – UnP.
³ Doutora em Patologia Oral – UFRN.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Prescrições medicamentosas realizadas por cirurgiões-dentistas – estudo transversal”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir conversa
Precisa de ajuda?
Powered by