Editorial Prosthesis and Esthetics in Science – Edição 32

Odontologia Moderna! Desde que iniciei minha caminhada na Odontologia, há quase 20 anos, essa frase nunca saiu de moda e ela sempre acompanha cursos, congressos e revistas. Mas vocês já pararam para pensar do que realmente se trata essa tal Odontologia Moderna ?

Pois bem, independente da época, sempre estaremos inseridos no contexto da Modernidade, pois nossa área nunca estagna e assim está em constante evolução de materiais e técnicas.

Ao longo da história tivemos inúmeras descobertas e fatos marcantes na Odontologia, mas na minha opinião, 3 fatos serviram como divisores de água para a mesma.

Na década de 60, após os trabalhos de Bowen, demos os primeiros passos para a Odontologia Adesiva Conservadora que se pratica atualmente, a qual eliminou a necessidade de desgaste dental pré definido através dos famosos preparos nada conservadores, para a utilização do amálgama, independentemente do tamanho da lesão cariosa.

Já na década de 80 foi a vez do implante dental popularizar e revolucionar a Odontologia, pois o mesmo substituiu as próteses removíveis e também as próteses fixas que culminavam com grande desgaste dental dos dentes pilares e, consequentemente, perda futura dos mesmos.

Atualmente vivemos a época da Harmonização Orofacial, que incrivelmente permite aos cirurgiõesdentistas potencializar os resultados dos tratamentos orais convencionais, através da utilização de técnicas e produtos voltados para a face.

Assim verificamos que a constante evolução da Odontologia beneficia diretamente os pacientes, e com isso cabe à nós profissionais estarmos atualizados com os materiais e técnicas modernas para assim conciliar saúde, função e estética de forma plena e estarmos sempre inseridos na tal Odontologia Moderna.

Um abraço e boa leitura!

Weider de Oliveira Silva
Me. em Implantodontia – SL Mandic.