Diagnóstico da síndrome da ardência bucal – uma revisão integrativa

Publicado em 24/11/2017 00:00

Vol. 9 – Número 33 – 2017
 
CADERNO DE ODONTOLOGIA CLÍNICA
 
Revisão sistemática/Systematic review
 
Página 133-138
Diagnóstico da síndrome da ardência bucal – uma revisão integrativa
Diagnosis of the burning mouth syndrome – an integrative review
 
Gláucia Helena Faraco de Medeiros1
Bruna Leal Zilli2
Marcelo Antônio Damian3
Daniela Daufenback Pompeo4
 
 
Resumo
A síndrome da ardência bucal (SAB) é uma patologia crônica de difícil diagnóstico, caracterizada pela sensação de queimação da mucosa bucal, preferencialmente da língua, sem que uma causa física possa ser detectada. Sua etiologia ainda obscura gera controvérsia na literatura. Compreender os fatores que a desencadeiam, em especial seus sinais e sintomas, é extremamente importante para o cirurgião dentista. Objetivou-se verificar os sinais, sintomas e aspectos relevantes a serem considerados no diagnóstico da SAB. Realizou-se uma revisão integrativa com artigos publicados na íntegra nos idiomas português ou inglês entre 2010 e 2015, indexados nas bases Science Direct; Medline; Scielo e Pubmed. Um total de 16 artigos foram selecionados e demostraram que SAB verdadeira é aquela em que não se observam fatores locais, sistêmicos e psicogênicos envolvidos, com uma mucosa clinicamente normal e exames laboratoriais sem alteração. Porém, se existir o sintoma de queimação em uma mucosa alterada ou mesmo íntegra com algum fator predisponente, configura-se um “ardor bucal secundário”.A associação de queixa de boca seca e alteração do paladar também são sintomas que portadores da SAB podem apresentar. A xerostomia que pode ou não estar relacionada à diminuição do fluxo salivar, pode potencializar os sintomas da dor e sensação de ardência, bem como influenciar negativamente na qualidade de vida do paciente. Concluiu-se que para auxiliar na busca de um diagnóstico mais preciso, o cirurgião dentista deve realizar um exame clínico minucioso e sistemático para descobrir qual o fator desencadeia o ardor bucal relatado pelo paciente.
 
Descritores: Síndrome da ardência bucal, diagnóstico bucal, mucosa bucal.
 
Abstract
The burning mouth syndrome (BMS) is a chronic disease, difficult to diagnose, characterized by burning sensation in the oral mucosa, preferably on the tongue, without a detected physiological cause. Its unclear etiology still generates literature controversy. Understand the factors that trigger this syndrome, in particular its signs and symptoms, is extremely important for the dentist. The aim was to verifying the signs and symptoms to be considered on diagnostic of BMS. It was used an integrative review with articles published in Portuguese or English in the years 2010-2015 and indexed in Science Direct, Medline, Scielo or Pubmed bases, which addressed signs, symptoms, etiology, differential diagnosis. A total of 16 articles were selected and they have demonstrated that a true SAB has no local, systemic and psychogenic factors involved with a normal mucosa, and laboratory tests without change. However, if there is a symptom of burning in an altered mucosa or not with some predisposing factor, set up a “secondary oral burning”. Dry mouth and altered taste are also symptoms of patients with SAB. Xerostomia with or without decreased salivary flow, may potentiate the symptoms of pain and burning sensation, and negatively influence the patient’s quality of life. Therefore, to assist in the search of a more accurate diagnosis of the syndrome, the dentist should perform a thorough and systematic clinical examination in order to find out which factor triggers the oral burning reported by the patient.
 
Descriptors: Burning mouth syndrome, mounth diagnosis, mouth mucosa.
 
1 Ma. em Odontologia – ULBRA, Profª. da disciplina de Diagnóstico em Odontologia – UNISUL.
2 CD. graduada em Odontologia – UNISUL.
3 Doutorando em Engenharia de Materiais – UFSC, Esp. e Me. em Ortodontia – UFRJ, Prof. da Disciplina de Clinica Integrada Odonto Infantil – UNISUL.
4 Dra. e Ma. em Biologia Oral – USC, Esp. em Ortodontia – Funorte/SC, Profª. do Curso de Odontologia – UNISUL.
 

Este artigo é exclusivo.Compre agora este artigo e receba em PDF via email - Valor R$ 40,00

EDITORA PLENA