Avaliação da capacidade de percepção ...

Publicado em 17/11/2009 13:28

Ano I - Vol. I - 2009

Páginas 42-47

 

Avaliação da capacidade de percepção da adaptação marginal de coroas totais por cirurgiões-dentistas

Assessing the ability of the perception of full crown’s marginal adaptation by dentists

 

Emerson Luis Aquino Reolon - Especialista em Implantodontia - Unicsul / SP e especialista em Prótese Dentária - Unidade de Pós-graduação da Faculdade Ingá/Uningá-Passo Fundo/RS

Letícia Muller - Especialista em Ortodontia - Unicastelo / SP

Leonardo Federizzi - Professor do curso de especialização em Prótese Dentária da Unidade de Pós-graduação da

Faculdade Ingá/Uningá-Passo Fundo/RS

Cezar Augusto Garbin - Doutor em Odontologia - Faculdade de Odontologia de Pernambuco-UPE; professor Coordenador do curso de especialização em Prótese Dentária da Unidade de Pós-graduação da Faculdade Ingá/Uningá-Passo Fundo/RS

Lilian Rigo - Mestre em Saúde Coletiva-ULBRA, doutoranda em Odontologia em Saúde Coletiva- Faculdade de Odontologia de Pernambuco-UPE; Professora Metodologia dos cursos de Especialização da Unidade de Pós-graduação da Faculdade Ingá/Uningá-Passo Fundo /RS

 

Resumo

A presente pesquisa teve por objetivo avaliar a capacidade de percepção da adaptação marginal à sondagem com dois tipos de instrumentos, executada por cirurgiões dentistas. Trata-se de um estudo exploratório descritivo realizado na clínica dos cursos da Unidade de Pós-graduação da Faculdade Ingá/Uningá-Passo Fundo/RS. Para coleta dos dados 44 profissionais de diversos cursos de pós-graduação deram seus pareceres a respeito de diferentes desajustes cervicais previamente confeccionados em uma coroa total metálica fundida sobre o primeiro molar inferior direito de um manequim, utilizando para o exame duas sondas exploradoras de marcas diferentes (Duflex® e Hu-Friedy®). A adaptação de todas as faces foi percebida corretamente por somente 9,0% (4) dos profissionais com a sonda Duflex® e 27,2% (12) com a sonda Hu-Friedy®, o que demonstra uma diferença clínica importante. A adaptação marginal satisfatória e o degrau positivo foram os términos mais facilmente identificáveis à sondagem, enquanto o degrau negativo e o espaço cervical foram os desajustes mais difíceis de serem identificados corretamente pelos profissionais. A sonda Hu-Friedy® possibilitou maior precisão no diagnóstico das faces para todos os grupos de alunos pesquisados.

 

Descritores: Adaptação marginal (Odontologia), percepção, coroa dentária, ajuste de prótese.

 

Abstract

This investigation aimed at assessing dentist’s ability for marginal fit perception through probing with two types of instruments. This is a descriptive exploratory study developed at the clinics of Postgraduation Unit Ingá/Uningá-Passo Fundo/RS. For data collection, 44 professionals from several post-graduation courses gave their opinions on different marginal misfit, previously done in a cast metallic crown over the right inferior first molar of a manikin. For examination two exploratory

probes of different brands (Duflex® and Hu-Friedy®) were used. Correct fit of all walls were observed by only 9.0% (4) of the professionals with Duflex® probe and 27.2% (12) with Hu-Friedy® one, which shows an important clinical difference. Satisfactory marginal fit and positive bend were the most easily terminus found through probing, while negative bend and cervical space were the most difficult misfits to be correctly observed by the professionals. Hu-Friedy® probe favored more precise diagnostic of the walls for all groups of the investigated students

 

Descriptors: Marginal adaptation (Dentistry), perception, tooth crown, prosthesis fitting.

Este artigo é exclusivo.Compre agora este artigo e receba em PDF via email - Valor R$ 40,00

EDITORA PLENA